THE POETS & DRAGONS SOCIETY

 

D. H. Machado

 

D. H. Machado nasceu em Lisboa no ano de 1974. Começou a escrever poesia aos 12 anos e fê-lo ao longo de toda a sua adolescência. Tal como Rimbaud, parou subitamente de escrever aos 20 anos. Nos anos seguintes, dedicou-se à vida académica e profissional. Em 2003, foi-lhe atribuído o Prémio Revelação Cesário Verde pela obra Dionísias: As Celebrações, escrita quando tinha apenas 19 anos. O Aprendiz marca o seu regresso à escrita.

 

Ana Sofia Paiva

 

Nasceu no dia 13 de Junho de 1981, em Lisboa. É formada em Teatro pela Escola Superior de Teatro e Cinema (2001) e pós-graduada em Promoção e Mediação de Leitura pela Universidade do Algarve (2012). Trabalha como contadora de histórias e investigadora de contos populares de tradição oral, sendo membro do Instituto de Estudos de Literatura e Tradição (FCSH-UNL), do Centro de Estudos Ataíde Oliveira (FCHS-UAlg) e da cooperativa Memória Imaterial. Entre a oralidade e a escrita, dedica-se desde cedo à poesia como ofício de culto. Serpe - As três águas do encanto é o seu primeiro livro publicado.

 

Guridi

 

Guridi (Sevilha, 1970). Estudou pintura na Faculdade de Belas Artes. Já trabalhou em quase todos os domínios da imagem, impressão, design e publicidade. Desde 2010 que se dedica à ilustração infantil e à elaboração de cartazes promocionais relacionados com teatro, dança e fantoches. Promove oficinas de ilustração e criatividade e colabora com diversas ONG. Os seus mais de 60 livros já foram traduzidos em nove idiomas e recebeu  importantes prémios e reconhecimentos. Em 2018 foi distinguido com uma menção especial no BRAW (Bologna Ragazzi Awards).

 

LigeiramenteCanhoto

 

Rodrigo Mota nasceu na cidade de Lisboa em Agosto de 1976. Licenciou-se em Design Visual pelo IADE e é Mestre em Ensino de Artes Visuais pela Universidade Lusófona. Estagiou como cartoonista no Jornal A Bola. Foi Director de Arte premiado na McCann-Erickson, Director de Arte na Abrinício, na Young & Rubicam, e Director Criativo de uma agência chamada Banana, em Maputo. Criou o site ligeiramentecanhoto.com para partilhar o conteúdo dos seus diários gráficos. Trabalha com crianças e adolescentes com Necessidades Educativas Especiais.

 

Alexandre Rampazo

 

Alexandre Rampazo nasceu em São Paulo, Brasil, onde se formou em Design pela Faculdade de Belas Artes. É aos livros infantis que dedica a sua arte. Tem visto o seu trabalho ser galardoado com diversos prémios literários no Brasil que reconhecem o seu talento como autor e ilustrador. Em 2017, Este é o lobo foi finalista do Prémio Jabuti, o maior galardão da literatura brasileira, e foi selecionado para a 26ª Bienal de Ilustração de Bratislava..

 

Jorge Canuto Glória

 

Jorge Canuto Glória nasceu em Lisboa no ano de 1939. Estudou Economia e cumpriu o seu serviço militar na Força Aérea. Em 1962 foi para Paris e dedicou-se ao teatro, tendo colaborado com Zé Mário Branco e o Prof. António José Saraiva. De regresso a Lisboa, escreveu Histórias da Maria-dos-olhos-grandes e do Zé Pimpão, cujo texto foi lido pela primeira vez a 1 de junho de 1972 na Rádio Renascença pela voz de Raul Solnado. A vida profissional levou-o a viver na Costa do Marfim, Paris, Lisboa e São Paulo, onde ainda reside. Em 1996, formou-se em Jornalismo pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

 

Rita Correia

 

Rita Correia nasceu em 1977, ano em que igualmente os Jedi foram apresentados ao mundo, e Elvis e Chaplin se despediam dele. Foi cedo que descobriu que era no meio artístico que se sentia mais feliz e foi esse o caminho que seguiu. Formou-se em Pintura pela Faculdade de Belas Artes de Lisboa e desde 1999 que espalha os seus "bonecos" - como a sua avó descrevia - pelo mundo editorial e digital. Autora e editora, lançou-se num projecto que lhe deu três obras: Um livro para ti, O meu nome é... e Ilumina. O seu trabalho é expressão dos princípios e valores humanos em que acredita.